EMPATA | SENSITIVO | MÉDIUM ESPONJA

 

Espaço dedicado ao estudo daqueles que tem o dom da empatia!

Olá! Seja muito bem vindo(a).

Este é um espaço dedicado ao compartilhamento de informações que podem ser úteis para Empatas e/ou para pessoas que convivem com aqueles que possuem o Dom da Empatia.

Alguns chamam de Empata, outros de Sensitivo e há ainda aqueles que chamam de Médium Esponja (talvez existam outros nomes e vamos descobrir juntos). Mas, na verdade a nomenclatura não é o mais importante. O que realmente importa é identificar as características ou sintomas e aprender a lidar com tal condição da melhor maneira possível.

Me chamo Katia Di Giaimo, tenho 51 anos, sou casada e mãe de uma moça linda que amo muito. Moro em São Paulo/SP, sou formada em administração, parei de trabalhar este ano de 2016 para me dedicar ao estudo da conscienciologia, projeciologia e a mediunidade em geral, fazendo cursos e me dedicando à espiritualidade na tentativa de descobrir mais sobre este dom que está tão aflorado.

Descobri-me empata aos 49 anos (na verdade nunca tinha lido ou ouvido falar esta palavra), mas tenho todos os sintomas da empatia desde a infância, só não sabia disto até dezembro de 2015.

Aos 6 meses de idade minha mãe conta que caí do trocador, e desde então sofro desmaios. Fui a diversos médicos durante esses 51 anos procurando doenças que nunca existiram realmente em mim, fiz exames diversos inclusive de tomografia e tudo está “normal” comigo e com meu cérebro, porém, tenho imensas enxaquecas, vômitos e desmaios.

Algumas vezes pressinto acontecimentos gerais, além de pressentir a morte e a vida de pessoas ligadas a mim ou não.

Sinto a tristeza das pessoas, doem no meu peito como se fossem minhas próprias, mas também sinto as alegrias, amor, euforias, inveja, ciúmes, ódio, rancor, entre tantos outros sentimentos.

Crianças/bebês e animais, reconhecem em mim alguma coisa diferente… Seus olhares são de alegria e um sentimento de bem estar quando ficam próximos.

Em lugares onde muita gente se aglomera, não consigo ficar por muito tempo, minhas energias são drenadas e após algum tempo, preciso me retirar porque as enxaquecas, vômitos e desmaios acontecerão fatalmente.

A busca por tudo que acontece comigo, após o falecimento do meu pai (faleceu no dia do meu aniversário e eu soube disso antes de acontecer) aumentaram ainda mais.

Quando durmo, meu espírito se projeta no mundo astral e tenho inúmeras experiências fora do corpo físico.

Um breve resumo de quem eu sou e como descobri esse dom, depois de muito sofrer no corpo físico, me fez pensar em criar algo que pudesse reunir informações e sensações com a intenção de catalogar, identificar e melhorar todas essas energias que não sabemos de onde vem e porque vem.

Ao criar o canal do Youtube e gravar vídeos, pensei se isto não me prejudicaria já que estaria me expondo para pessoas que não conheço, atraindo de certa forma energias desconhecidas e acabei optando por me expor e ajudar pessoas iguais a mim que buscam respostas para tudo isso que acontece com um empata.

Pouco encontrei na internet de respostas sobre EMPATAS | SENSITIVOS | MÉDIUNS ESPONJAS, por isso nasce este blog.

Após breve apresentação e justificativa, deixo em destaque dois links para você entrar no assunto e descobrir se veio ao lugar certo:

A Empatia: para que possamos começar a compreender o que é ser um empata, precisamos primeiramente compreender do que se trata a empatia.

Empata, Sensitivo ou Esponja: com base neste post você poderá responder para si a pergunta que não quer calar… “Será que eu sou Empata?”


Formação:

A busca pelo autoconhecimento teve um grande salto na minha vida e relaciono aqui alguns cursos que fiz para aprimorar minhas percepções energéticas, meu parapsiquismo e compreender melhor tudo que acontecia comigo e a minha condição sendo Empata.

Curso 2010:

Instituto Você – Programação Neurolinguística – http://www.1234voce.com.br


Cursos 2015:

Projeção Astral com Saulo Calderon – http://www.viagemastral.com

  • básico
  • intermediário
  • avançado
  • ouvi/assisti todas as FAQs – são mais de 700

Cursos 2016:

  • eCDC – online – com diversos professores da IAC World – http://brasil.iacworld.org/
  • Metadesperticidade – em Belo Horizonte com Nancy Trivellato e Wagner Alegretti – IAC World
  • Curso Percepções energéticas – em São Paulo com Wagner Alegretti- IAC World
  • Curso Ectoplasmia e a saúde – em São Paulo com Hernande Leite – Ectolab – http://ectolab.org/

    Coaching

  1. Coaching Hernande leite – Ectolab
  2. Coaching Wagner Alegretti- IAC World
  3. Consultoria de vida – Gisela Vallin – http://www.giselavallin.com/
  4. Leitura de Aura – Andreia Peixoto – https://www.andreiapeixoto.com.br

300 horas de estudos da Conscienciologia – https://www.youtube.com/user/Tertuliarium

300 horas de palestras e estudo da Mecânica Quântica – com Helio Couto – https://cursosheliocouto.com.br


Cursos 2017:

 Curso de Imersão em ectoplasmia – Foz do Iguaçú em março – Ectolab

 Curso de Ectoplasmia interassistencial /EAD – julho/agosto/setembro- Ectolab

RH – Ressonância Harmônica com Helio Couto – https://cursosheliocouto.com.br

  • 16/01/17 – 1ª onda
  • 12/04/17 – 2ª onda
  • 25/07/17 – 3ª onda      

Espaço Padme – http://www.institutopadme.com.br

  1. Pranic Healing Course – em abril – São Paulo
  2. Advanced Pranic Healing Course – Julho – São Paulo
  3. Pranic Healing Psychotherapy Course – outubro – São Paulo

HipnoQuantum – Novembro com Wesley Newton – wesley.newton@gmail.com


Gostaria de sugerir conteúdo para o nosso blog? Entre em contato.
Email 1: empatas@uol.com.br
Email 2: empatas.com.br@gmail.com
Youtube: Katia Di Giaimo
Facebook: facebook.com/pessoasempatas

94 comentários sobre “EMPATA | SENSITIVO | MÉDIUM ESPONJA

    • Rafaela disse:

      Olá, gostaria de ter mais contato com pessoas sensitivas não quero vidência nem nada. Só quero ter contato pois me sinto só por minha sensitividade, as vezes perdida e mal, não ajuda de espiritas esse centros e casas, eu quero ajuda de pessoas sensitivas como eu sou apenas ajuda para controlar me acalmar… se algum ou alguma sensitiva quiser e poder conversamos, apenas por email nada de rede social ou sms por favor. aqui está meu email rafaelanascimento53@gmail.com

      Curtir

      • Katia Di Giaimo disse:

        Rafaela, bom dia!!
        Seja bem vinda ao site, espero que o conteúdo possa te auxiliar no aprendizado.
        Não é fácil, porém, é possível modificar a sua condição, mas não é se afastando de pessoas que conseguirá melhorar.
        Compreender este dom, entender o que acontece com você e estar no meio de pessoas te faz aprender com elas, jamais ficando só em casa compreenderá o que é a espiritualidade.
        Precisa se dedicar as leituras, entendendo tudo o que acontece com você.
        Ser voluntária em casas espíritas ou não, doar o amor que possui é auxiliar Deus neste imenso trabalho que há na terra.
        Arregasse as mangas Rafaela, aprenda com outras pessoas na amorosidade, doe o amor que possui e aos poucos verá que tudo o que aprende e ensina será uma linda estrada que constrói para você mesma passar.
        Um grande abraço, fique com as melhores energias.
        Gratidão por estar aqui.

        Curtir

  1. Matheus disse:

    Ótima ideia, o mundo precisa de pessoas como voce pra ajudar pessoas como eu hehehe
    que precisam desse tipo de informacao. Muitas pessoas tem uma ideia de um projeto como esse e por falta de alguns recursos acabam colocando conteudo bom, mas a cara do blog ou dos vídeos nao fica tao boa, queria te falar também que além do ótimo conteúdo do seu site ele esta também muito bonito 😀

    Curtido por 1 pessoa

    • katiadigiaimo disse:

      Gratidão Matheus, faço com muito carinho para quem puder ouvir, ler e compreender tudo o que temos para passar e ensinar.
      Espero conseguir ajudar quem chegar até o nosso site EMPATA|SENSITIVO|MÉDIUM ESPONJA.
      Um forte abraço.

      Curtir

  2. Fernando Luchetti Simão disse:

    Todos somos irradiadores e receptores de energias, somos centros astrológicos ligados às 7 partes que compõem este universo, só que uns são mais sensíveis e outros mais densos e entre uma e outro existem vários níveis.
    Conheço vc faz muito tempo, mas não sabia deste detalhe. Isso não é ruim, é bom se houver um “controle” sobre estes acontecimentos. Minha mãe tinha este “dom”, assim como minha esposa e eu que sou o seu guardião…rs.
    A medida que vc equilibrar o seu grau de consciência a coisa começa a ter controle e o seu calvário diminui até se harmonizar, sei disso por experiência própria.
    Parabéns pelo site e por se expor de forma a reunir pessoas que passam pela mesma situação.
    Luz e paz! Bjs.

    Curtido por 1 pessoa

    • katiadigiaimo disse:

      Fernando, obrigada pelo seu carinho…
      Sei que esta situação empática é passageira, digo isso as pessoas que é um alerta…é um STOP, preste atenção no que está acontecendo a sua volta e reflita, se tem um dom faça uso dele para o bem e tudo ficará melhor a medida que compreendemos tudo isto que ocorre, o calvário diminui.
      A expansão da consciência tem ocorrido através dos cursos, estudos que direcionei todo o meu ser.
      Disse para mim mesma, este ano vou entender de fato o que acontece comigo…
      Todos que entram no site, YouTube, e no facebook tem colaborado para este aprendizado.
      Gratidão a você Fernando e se tem na família um empata, sabe o que eu falo….Rs
      Seja o guardião de sua esposa, nada melhor do que o aprendizado em conjunto.
      Grande abraço

      Curtir

  3. geversom Osório doa santos disse:

    acredito que sou empata. mudar de humor com frequência se tornou um calvário. Tenho 33 anos. meu nome é Géversom sou do rio grande do sul da cidade de Caxias do sul. Estou sem rumo. Penso demais,o tempo todo e acabo não fazendo nada. bom tenho passado por problemas. acho que é isso. (confesso que ate pra escrever isso foi estranho)

    Curtido por 1 pessoa

    • katiadigiaimo disse:

      Seja bem vindo Geversom, eu ia indicar para entrar em nossa página pessoas empatas no facebook, mas já vi que curtiu a página.
      Temos também um grupo secreto onde discutimos as nossas dificuldades, é como um fórum.
      Caso queira é só pedir amizade e para Katia Di Giaimo e me avisar que quer entrar para esse grupo.
      Seja bem vindo aos empatas.com.br

      Curtir

  4. Max disse:

    Bom dia
    Não sei o que dizer, nunca achei que fosse encontrar página para pessoas sensitivas.
    Não tenho facebook, uso whatzapp há apenas um ano, por livre e espontânea pressão da esposa. Demorei anos para conhecer e desenvolver a minha mediunidade sensitiva. Pra conhecer eu tive que andar de casa em casa espirituais, religiosas, registrando a sensação do trabalho da mediunidade alheia, já que desde criança sofri com a visão de espíritos e sensação da presença espiritual, a faculdade de visão foi perdida após a adolescência, e ao contrário do que se diz: não era agradável, pelo menos pra mim não. Restando somente a hiper sensibilidade. Não dá pra resumir um trabalho de uma meia – vida aqui (afinal tenho 38 anos). Mas vou postar uns cuidados que eu tomei quando consciência da mediunidade.1º não absorver a vida alheia. 2º aprender a diferenciar os seus sentimentos dos outros, sejam vivos ou mortos, 3º aprender a ajudar o próximo sem resolver os seus problemas 4º evitar o excesso de sentimentalismo e emoções, sejam eles positivos ou negativos 5º buscar pensamentos baseados nos valores éticos e senso de justiça, 6º aprender como a mediunidade se comunica com vc. 7º Bloquear as sensações quando em lugares inconvenientes ao invés de mergulhar-se nelas 8º aprender a sentir DEUS e buscar sua comunhão. 9º NUNCA falar diretamente com os mortos. 10º buscar a moderação e equilíbrio, a fim de evitar radicalismos e devaneios.
    vantagem e desvantagem: a principal pra mim hoje é a incompreensão, pois as atitudes e conclusões não se baseiam em uma realidade tangível ou raciocínio lógico.
    vantagem: reconhecer a profundidade da natureza espiritual e material.
    No meu caso eu desenvolvi mais pro lado espiritual, por exemplo: todos os médiuns podem sentir a presença do espírito, mas somente o sensitivo pode classifica-lo, pode até mais ou menos dizer a quanto tempo morreu e que tipo de hierarquia ocupa, seja ele do bem ou do mal, conforme a experiência, sem necessidade de comunicação, sabe diferenciar se a origem do problema alheio é de origem espiritual ou material, entre outras características. É uma mediunidade bem inconveniente na presença de médiuns charlatães ou de espíritos mentirosos. O médium sensitivo é o guardião das outras mediunidades, pois é o primeiro a reconhecer quando algo está errado.
    Que Deus ilumine a todos.
    Max

    Curtido por 1 pessoa

    • katiadigiaimo disse:

      Max, seja bem vindo ao nosso mundo…
      Você conseguiu definir bem a mediunidade, lógico que não é satisfatório você ver e se comunicar com os espíritos, principalmente quando as pessoas acham que é algo “horripilante”ou apavorante.
      Quando percebemos que é normal essa convivência e não é algo assim de OUTRO mundo, passamos a ver não o mistério, mas a beleza da união dos mundos dimensionais.
      Passando a enxergar de forma mais normal e não tão sobrenatural.
      Sinta-se a vontade para opinar aqui, no facebook ou no YouTube.
      Que Deus nos ilumine e proteja a todos.
      Muita paz e energia positiva.
      Abs

      Curtir

    • Belchior Gonçalves disse:

      Olá Max tudo bem?
      Cara também sou sensitivo. Só que nunca vi nenhum espirito apenas sinto.
      Converso muito com o anjo da guarda;
      Gostaria muito de conversar com você sobre suas experiencias.
      Poderíamos conversar?

      Curtido por 1 pessoa

  5. Mirna disse:

    Katia,não sei definir o que seja…mas sinto sempre quando vou ao mercado,igreja,reuniões até de religiões o clima das pessoas… venho embora arrasada com dores de estômago,sempre quando encontro com pessoas de sentimentos ruins,na hora bate um sino em minha cabeça desce um líquido da cabeça até a garganta… e daí vai arrotos, abrição de boca…tenho que me deitar e deixar passar por um tempo…Deus nos proteja…

    Curtido por 1 pessoa

    • katiadigiaimo disse:

      Mirna querida, é muito dolorido quando não entendemos o que nos acontece…
      Sofrer as consequências de pensamentos alheios ao nosso, mas tenho aprendido através dos estudos da conscienciologia, junto com trabalhos energéticos que podemos modificar este padrão e podemos viver de forma melhor.
      Compreendendo o que se passa com a gente, modificamos isso e passamos a lidar melhor com a situação a partir do momento que estudamos.
      Ser EMPATA é igual a um emparelhamento de bluetooth, nós fazemos esta conexão, só que “SEM SENHA”, mas emparelhamos várias vezes de várias formas.
      O que acaba sobrando muitas vezes, é a sensação de que fomos jogados em uma máquina de triturar e só ficou o bagaço de nós.
      Entre na página https://empatas.com.br/orientacoes lá coloquei várias técnicas para trabalhar as energias e compreendê-las, mas o mais importante é aprender e manter os seus pensamentos com lucidez, voltado para coisas positivas.
      Não entrar em rotas de colisão com as pessoas, a raiva, a inveja, a piedade, o ciúmes, são sentimentos destrutivos que nos deixa drenados em energias.
      Acabei de postar um vídeo sobre a síndrome do Vampirismo Energético, explica muito sobre essa perda de energia que principalmente os empatas sofrem.
      Beijo carinhoso em você.
      Espero que a página, o site te auxiliem nesta busca que é manter o equilíbrio.
      Gratidão por estar aqui e compartilhar com a gente as suas experiências.

      Curtir

      • Belchior Gonçalves disse:

        “Ser EMPATA é igual a um emparelhamento de bluetooth, nós fazemos esta conexão, só que “SEM SENHA”, mas emparelhamos várias vezes de várias formas”
        Falou tudo!!!!

        Curtido por 1 pessoa

  6. Alessandra disse:

    Olá, me chamo Alessandra, sou empata, sensitiva e tenho cada vez mais interesse pelo oculto, sou kardecista e essa doutrina tem me ajudado muito, pois através do estudo podemos entender o que se passa.Sou médica veterinária e acho que me ajuda muito, lido com muitas pessoas diariamente e muitos animais, então minha intuição é muito aguçada, consigo saber o que se passa só de olhar pro animal,sinto sim alguns males físicos muitas vezes,tenho algumas vezes crises de labirintite, enjôos,tenho ectoplasmia tb, libero em formas de bocejo, aí sinto o mal estar passando, parece que até fico inchada com esse acúmulo de ectoplasmia,caso não libere,os males aparecem, mas trabalhando a parte espiritual , as energias são canalizadas corretamente., meu caso tenho mediunidade de cura nas mãos, descobri qdo estudei o curso de educação mediúnica no centro kardecista que frequento.Consigo saber o que a pessoa está pensando e sentindo , se mente, se é uma boa pessoa, se é maldosa, consigo ler a aura da pessoa,se está triste ou feliz…se gosta de mim ou tem inveja,enfim, gosto de ser assim, pois acho que no geral me ajuda a ter percepção de tudo , pois exercer a empatia, acaba sendo exercida a caridade.

    Curtido por 1 pessoa

    • katiadigiaimo disse:

      Alessandra,
      Seu trabalho está ligado diretamente com a cura, portanto, está no seu plano talvez de evolução este trabalho com os animais, e provavelmente utiliza o ectoplasma para esta função.
      O ser Empata, quando em equilíbrio é muito gratificante, e poder ajudar nosso semelhante é tarefa agradável ao nosso espírito…
      Mas sentir as energias negativas, quando estamos em desequilíbrio ainda faz mal, por isso, nosso aprendizado no bem, compreender que o outro sente inveja, tristezas, ou te querer mal, quando você compreende que ele ainda não despertou para uma espiritualidade linda e plena, você acaba se apiedando daquela pessoa e reza para que ela alcance, assim como você, seu caminho de encontro ao aprendizado.
      Um grande abraço.
      Obrigada pelo seu carinho com o site e o tema em si.
      Gratidão por colaborar com nosso aprendizado coletivo.

      Curtir

  7. regina celia disse:

    boa noite
    estou em um momento muito especial da minha vida, hoje cansada de ancorar energias extremamente irritada senti falta das pessoas sensíveis ,mas enfim Adorei a ideia de nos juntarmos para trocar informações Parabens pela iniciativa

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Fico feliz que tenha gostado da ideia e espero que venha juntar-se a nós…
      Felizmente, tenho descoberto que somos muitos…
      Talvez nosso papel seja o de filtrar as energias mais densas, percebê-las e modificá-las se estiver ao nosso alcance.
      Não canse nunca das pessoas Regina, porque somos PESSOAS. Estamos em fase de aprendizado, apenas isso e quando nos irritamos, não nos irritamos com o outro, mas sim com a gente mesmo, por não conseguir compreender o OUTRO.
      Um grande abraço cheio de energias positivas pra você.

      Curtir

  8. Sandra Motobu disse:

    Olá,
    Encontrar pessoas com essas características espiritual e com suas reações físicas por conta da empatia é com certeza uma forma de compreendermos melhor o nosso estado . Sempre senti que era sensitiva. E até um tempo atrás pensava ter perdido muito por conta dela. Hoje, percebo que tudo foi do jeito que tinha de ser… foi no meu tempo , no processo que eu necessitava passar. Há ainda muitos espelhos diante da minha empatia. Talvez esses espelhos seja para que eu própria possa me reconhecer, me aceitar e simplesmente “SER”
    Gratidão, gratidão, gratidão.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Sandra, muito obrigada pelo seu carinho e feedback.
      Tenho certeza que esta dedicação tem um propósito de ser, não estamos aqui à toa.
      Olhar para nosso passado e identificar o quanto crescemos em relação a hoje é satisfação pessoal, mas olhar para o futuro e ver o quanto ainda temos pela frente é certeza de que não devemos parar o nosso crescimento e evolução.
      Gratidão imensa a você por estar aqui!!!

      Curtir

  9. Fernanda disse:

    Já sofri muito e ainda sofro por não entender as coisas q acontecem comigo. As vezes consigo perceber que os sentimentos não são meus e desvencilhar, mas as vezes não e entro numa guerra. Em muitas Situações me sinto sugada, drenada, não consigo permanecer em alguns lugares ou próximo a algumas pessoas. Faz pouco tempo me tornei reikiana e fiquei maravilhada, mas cheguei num momento que não consigo mais aplicar em pessoas pois adoeço e sei q isso não é do Reiki. Sou Veterinária e com os animais a troca de energia e maravilhosa, talvez por terem uma energia mais pura. A intuição me ajuda muito em diagnósticos e tratamentos e muitas vezes tenho a sensação de ler os pensamentos deles. Como se nos comunicassemos por telepatia. Isso tudo é muito complexo pra uma pessoa criada com rigor do catolicismo onde não encontro muitas respostas pra o que acontece é como lidar com isso.

    Curtido por 1 pessoa

    • Belchior Gonçalves disse:

      Olá Fernando,
      Acabei de ler seu relato. Muito bonita essa sua empatia com os animais bacana mesmo.
      Comigo foi um pouco diferente.
      Foi só quando mergulhei na religião que esses dons se manifestam de forma mais forte.
      O padre me disse que ainda bem que eu me identifiquei com a religião pois se por acaso eu tivesse escolhido o “outro lado” provavelmente seria uma má.
      A religião respondeu muitas das minhas perguntas. Quando rezo sinto de verdade Deus e meu incansável anjo da guarda.
      Vou te dar uma dica rápida.
      Tente criar um habito de rezar para seu anjo da guarda.
      Mas conversar mesmo com um grande amigo, nada de “Carrissimo anjo da guarda ” e tal.
      Sem formalidades, converse com ele e daqui a algum tempo você vai ver a diferença…
      Abraço de tudo de bom para você

      Curtido por 1 pessoa

  10. Katia Di Giaimo disse:

    Fernanda, boa tarde!!
    Sei exatamente o que diz, por sentir o mesmo…
    Doar energias, sem tê-las em abundância pode muitas vezes nos prejudicar.
    Como costumo falar nos vídeos que faço, ser empata é uma condição onde estamos passando por ela, acredito piamente que vamos sair desta condição, assim que enfrentarmos o que viemos fazer aqui no mundo.
    Uma condição, da qual modificaremos nosso padrão energético assim que compreendermos essa condição.
    Condição esta, que nós mesmas pedimos para ter, como uma forma de alerta nos chamando ao trabalho assistencial.
    Entre de cabeça nos estudos Fernanda, eu procurei a ciência da consciência, que me trouxe respostas e ferramentas para cuidar destas energias, mas cada um tem a sua busca pessoal, aqui não faço menção com o intuito de fazer ninguém acreditar no que digo, mas vivenciar por si mesma.
    Temos um grupo de pessoas debatendo o assunto na página no facebook/pessoasempatas o site e o canal no youtube procure por Katia Di Giaimo, tem vários vídeos meus postados, espero que te ajude e possa sair desta condição de empata e passe a ser a assistencialista, que transmuta estas energias para um bem maior, inclusive o seu.
    Gratidão por estar aqui.

    Curtir

  11. Sérgio Gomes disse:

    Poxa vida!
    Fico muito feliz em ler este site.
    Sou Empata e descobri isso quando tinha 10 anos de idade.
    Sofro muito com isso, trabalho na espiritualidade e confesso que não é fácil.

    Choro, dou risadas e vivo intensamente a vida do meu meu próximo como se estas fossem minhas…

    Gratidão Katia por este site.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Seja bem vindo Sergio Gomes,
      Tenho disponibilizado algumas coisas, gravado vídeos no youtube com tudo aquilo que aprendo para auxiliar aqueles que não sabem o que fazer com estas energias.
      Tem muitas matérias já incluídas no site, vale a pena dar uma olhadinha em tudo.
      Gratidão e seja muito bem vindo.

      Curtir

  12. Maxwell disse:

    Boa noite Katia, eu percebi a pouco tempo que absorvia a energia pesada da minha casa,e dos meus parentes principalmente,eu sabia que tinha algo,pois sempre estava esgotado quando tinha essas pessoas por perto,e não sabia o que era, perdi varios dias de estudos por isso, além disso percebo covardia a distância, somos diferenciados

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Somos diferenciados sim Maxwell, porém, devemos prestar atenção ao nosso redor…
      Até porque nossos parentes, familiares em geral são pessoas a quem devemos “assistir”, “auxiliar”, mas não são só nossos parentes, temos amigos que fazem o mesmo, pessoas desconhecidas igualmente…
      A facilidade com a qual nos conectamos às pessoas é que são elas, por isso devemos entender nossas energias e trabalhar com elas, porque não adianta fugir, o enfrentamento é certo, o afastamento não, manter o padrão de energia é a grande tarefa que devemos aprender a realizar…aonde quer que a gente vá.
      Grande abraço
      Gratidão por estar aqui

      Curtir

  13. Amanda disse:

    Eu ainda não tenho muito discernimento em ter um controle sobre esses sentimentos, não sei quando o que sinto é de fato meu ou só mais um sentimento alheio. Isso me acontece bastante, é como se eu estivesse em um quarto trancado sem janelas e sem ter como fugir disso.
    Mesmo assim, ainda acredito que esse dom faz mal bem do que mal, pois é preciso para ajudar aqueles que precisam.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Amanda,
      Nem sempre é fácil interpretar os sentimentos, mas temos além do físico as emoções extra físicas, e como paranormais, sensitivos, empatas, esponjas…..temos por princípio aprender a identificar essas sensações, se conhecendo, meditando, fazendo técnicas, yoga, não importa de que forma chegamos ao contato mais profundo com a gente. O importante é se conectar, entender o que é seu e o que vem de fora….
      Eu ensino um pouco do que aprendi nos vídeos, aqui mesmo no site ou ainda na aba orientações, mas como eu cheguei até aqui e como aprendi não é a única maneira, existem pessoas que aprendem de outras formas, silenciando o ego e entrando em contato com a sua própria essência, o seu EU.
      Alguns estudam Reiki, Cura pranica, yoga, meditações em geral, enfim….busque a sua maneira de conexão.
      Ser empata é muito bom Amanda, porque conseguimos sentir o outro de forma plena e desta forma podemos auxiliá-lo em suas aflições, angustias ou até mesmo dividir as alegrias.
      Gratidão

      Curtir

  14. mateus maximo disse:

    acredito que sou um empático, mas acho que esta longe de ser algo que mereça festividade. No meu caso o pior é relacionado a energiais ruins. olho pro lado e quase consigo materializar um formato e me encho de amargura, tristeza e medo

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Mateus Maximo, é importante entender o que está acontecendo a sua volta…
      O parapsiquismo, sem estudo pode gerar desconfortos…
      Parece até que fico repetitiva falando a mesma coisa para as pessoas, saiba lidar com suas energias, sabendo o que é seu, saberá entender o que vem de fora.
      E não é apenas a prática energética, mas é a leitura, o estudo que complementará o dom Empático que possui.
      Espero que te auxilie com as matérias, posts e vídeos que tenho gravado com a intenção de ajudar.
      Muita energia positiva pra você.

      Curtir

  15. debora disse:

    Nossa amei o texto, vou seguir no face tb. Eu sempre tive uma sensibilidade com o ambiente e pessoas e sofri demais na adolescência. Hoje acho que com 26 anos quis me aprofundar e tentar me achar menos estranha, por defesa eu tento me destanciar muito para não ficar mais doente por isso aprendi a entender pq procuro tanto ficar só é minha terapia pois entro em sintonia com minhas próprias emoções e com a presença de Divina e de espíritos de luz, isso me renova. Agora depois que li seu post vou estudar melhor e me aprofundar no autoconhecimento espiritual… Muito obrigada. Deus te abençoe. um abraço.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Que coisa boa Debora, saber que estou conseguindo passar informações e através disso você entender o que te acontece.
      Fico muito feliz por isso!
      As vezes nos conectamos cedo com essas sensações e se não prestamos atenção ao nosso eu interior, deixamos passar desapercebido e vamos nos conectar muito mais tarde, ou nunca.
      Pare, silencie dentro de você para entender o que te acontece e preste atenção em suas intuições, pois elas são a direção a ser tomada.
      Posto mensagens minhas e de pessoas que posso extrair informações para nós EMPATAS|SENSITIVOS|MÉDIUNS ESPONJA, com a intenção de auxiliar nesta busca de respostas para tudo aquilo que sentimos.
      As melhores energias para você!

      Curtir

  16. Gabriel Martini disse:

    Estou perdido, não sei no que acreditar, nada faz sentido entre tudo que estudei, estar em meio às pessoas é estranho mil coisas vem a minha cabeça mesmo não sendo de origem minha, tenho 14 anos, já tive algumas crises, hoje estou muito bem, mas não sei exatamente o que É REAL, se eu posso realmente realizar a projeção astral ou se estou imaginando tudo, se o que sinto é real ou se é sintoma do mundo ao meu redor, gostaria de conversar com alguém que me explicasse o que é que devo seguir.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Gabriel, não precisa ter tanta pressa, vá com calma, estude a respeito para ter as suas próprias conclusões.
      O melhor caminho é enfiar a cara nos livros, se quiser, procure projeciologia de Waldo Vieira para ler a respeito das projeções astrais, ou ainda acesse o site http://www.viagemastral.com do Saulo Calderon, que tem cursos gratuitos para baixar e ouvir.
      Na conscienciologia ninguém te diz o que deve seguir, eles te dão técnicas e você aplica, sua mediunidade ou paranormalidade fica mais aguçada para compreender o que você precisa fazer.
      Mas tome cuidado tem muita gente doida por aí ensinando coisas absurdas, use sempre o seu discernimento para filtrar o “certo” e o “errado”.
      Cada um de nós tem um caminho percorrido em vidas passadas, por isso, ninguém pode dizer a você o que deve fazer, você saberá o caminho a seguir com as suas intuições.
      Siga-nos na página “Pessoas Empatas” por lá podemos falar através de mensagens.
      Espero ter ajudado.
      Gratidão por estar aqui.

      Curtir

  17. Keylla disse:

    Oi, Katia!

    Descobri hoje o seu site, após descobrir o termo de mediunidade empata e me encaixar nele. Desde criança sinto e vejo o mundo e as relações de uma forma cognitiva e intensa. Sabe que para mim a empatia é algo tão natural que penso: ” Como aquela pessoa não percebeu isso também?”. Pois é, não percebeu. É um dom, e aí resolvi estudar mais sobre o assunto e encontrei o site. Desde o meu despertar de consciência muitas coisas lindas afloraram , outras sofridas, mas o sentimento de evolução é gratificante.
    Gratidão pelo repasse do conhecimento!

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Keylla,
      Cada um de vocês que chegam no site, no canal do youtube, ou na página Pessoas Empatas com palavras de carinho e gratidão, vem uma onda maravilhosa dessa energia contaminada no e-mail que enviam.
      Realmente, o despertar da consciência pode ser dolorido, olharmos a nossa volta e ver pessoas que amamos, sem esta consciência nos entristece.
      Como você mesma disse, como ele/a não está enxergando tal coisa?
      Por isso esse despertar é pessoal…é único para cada um de nós.
      Bem vinda ao site, a página e ao canal do youtube;
      Gratidão por estar aqui.

      Curtir

  18. Willian zeferino disse:

    Oi, tenho 26 anos, a algum tempo venho percebendo que consigo sentir coisas, principalmente a presença de energia (espíritos) bons ou ruins, apenas isso, e esses dias (por ter medo) meio que consegui fazer sumir uma energia ao sentir, o que mais consigo desde criança e digamos que é por isso que já estou com um bom controle, em descrever uma pessoa facilmente, mas pensava que era por ter me dedicado durante 12anos ao karate, que trabalha o reconhecimento do outro, mas venho percebendo que é muito mais forte que isso, sei listar defeitos e qualidades, descrever como a pessoa é no seu dia-a-dia entre outras coisas com muita facilidade, só em olhar para a pessoa, pensava que era coisa da minha cabeça só, mas quando eu fui competir um campeonato Brasileiro em Minas Gerai, no meio da competição eu fiquei ruim e fraco, meu nivel era nacional e não consegui um bom resultado, chegando em Santa Catarina onde moro fiquei sabendo que meu primo veio no mesmo horário que passei mal a morrer afogado, eu deveria ter meus 18 anos no máximo.
    Percebo dentro de mim uma agonia, um alerta de que algo ruim vai acontecer, mas nunca sei a gravidade da situação, as vezes é uma morte, outra uma briga de palavras e o rompimento de uma grande amizade, ainda estou tentando controlar isso.
    Também as vezes fico muito alegre interiormente, e sei que algo de muito bom vai acontecer, já percebi que quando é algo bom vem de imediato, quando é algo ruim demora depois do que senti uns três dias para acontecer, só sei que vai acontecer e me preparo para enfrentar.
    Esta cada fez mais notável, tenho tremuras do nada, fico nervoso, dependendo meu açúcar no sangue baixa muito rapido e eu fico com enjôo, fraco, debilitado e meu dia não rende mais.
    Fico muito confortável em meio a natureza, sempre corro para o mar e para o verde, como uma fonte para me carregar é muito bom.
    Gostaria de ser add em algum grupo

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Willian, que bom que chegou até nós…
      Todas as características que descreve tem muito a ver com o empata, em estado negativo, absorvemos energias ruins dos ambientes, de pessoas e até mesmo a longas distâncias como no seu caso o falecimento do seu primo.
      Mas também, você pode estar bem com as energias, algo ou alguém nos aciona à distância e nossa drenagem começa, fazendo com que as energias se esvaiam como um ralo aberto soltando uma água que estava estancada.
      Geralmente a energia chega antes de sabermos do fato, porque não estamos exercitando nosso campo energético, é como um exercício físico mesmo, você treina e sabe/sente qual o golpe porque de uma certa forma “intuí” aonde a pessoa vai desferir o golpe e aí entra a sua defesa, algumas vezes consegue outras, toma o golpe desferido e se machuca.
      Energeticamente, é o mesmo que acontece Willian, treino, treino e treino….é o que te auxiliará neste caminho.
      Quando estiver praticando as técnicas energéticas, quando a energia de alguma pessoa, acontecimento ou ambiente, estiverem se aproximando de você, poderá sentir melhor e saber de onde esta vindo de forma mais apurada.
      Seu parapsiquismo, ou mediunidade como preferir chamar, se ampliará de forma muito acentuada.
      Vale o treino energético!
      pesquise o assunto: Mobilização básica das Energias ou MBE, OLVE – Oscilação Longitudinal Voluntária de Energias, com esta técnica, podemos atingir o EV, chamado de Estado Vibracional.
      Encontrará algumas informações no site, em orientações, para acessar direto é só colocar o endereço:
      http://www.empatas.com.br/orientacoes
      Para sua segurança preferi tirar seus contatos, evitando aborrecimentos para você, nunca sabemos né?
      Se quiser entrar em nosso grupo tipo fórum, peça amizade no facebook para Katia Di Giaimo e me avise que quer entrar no grupo secreto do Pessoas Empatas.
      Gratidão por chegar até aqui, espero que os posts do site, as orientações, além dos diversos vídeos que gravei possam te ajudar a encontrar respostas.
      Muitas vibrações positivas pra você, te aguardo para incluir no grupo.

      Curtir

  19. REJANE ELISA IMS DUARTE disse:

    Olá, bom dia !

    Descobri a pouco tempo que sou empata. Que bom poder contar com amigos que sentem as mesmas coisas que eu. Sempre fui tida como a sentimental, pessoas as vezes nem contam acontecimentos para mim, porque sabem que sinto demais. Preciso aprender a lidar ….Mas muito bom descobrir que sou empata, estou me conhecendo melhor e até me perdoando mais. Muito obrigada por vocês existirem e estar compartilhando informações comigo !

    Um abraço apertado, Rejane.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Que bom Rejane, seja bem vinda ao mundo Empata.
      Se descobrir já é uma grande coisa, é no mínimo entender o que se passa contigo, agora é com você para compreender e estudar a respeito do Ser Empata.
      Posto vídeos, matérias que possam nos fazer melhorar e modificar nosso padrão de energia.
      Sinta-se a vontade para pesquisar e sugerir temas.
      Bem vinda!!!

      Curtido por 1 pessoa

  20. Fernando disse:

    Olá…. BOM DIA!!!!

    Nos últimos dias, me sinto sufocado, sem saída. Achei estar ficando louco, estressado… talvez isso mesmo. 🙂
    Mas isso começou quando entrei em grupos de trabalho maiores. Achei que fosse me acostumas, mas parece que só piora.

    Digitei meus sintomas no google, e encontrei sobre o empata… me encaixo em mais de 90% das descrições…. e estes levo desde criança.

    Achava um dom em saber oque as pessoas pensavam… e sofro com isso.

    Preciso de um psicologo(a) para me diagnosticar?

    Curtido por 1 pessoa

  21. Fernando disse:

    Oi.
    Consegue me esclarecer uma coisa?
    Pq que no dicionario, EMPATA, significa “…indivíduo que atrapalha o andamento de algum processo ou a realização de qualquer intento alheio, quer por criar, propositadamente ou não, obstáculos ao seu progresso ou à sua atividade, quer por se intrometer em assuntos que não lhe são pertinentes; empata-amigos, empata-foda(s), empata-vazas….” ?

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Fernando, bem vindo ao blog, a página e ao mundo empata.
      Infelizmente psicólogos nem psiquiatras tem essa definição classificada, mas a empatia existe e sofremos demais com essas percepções energéticas.
      O que vai precisar é entender e mexer com suas energias, aprender a se defender energeticamente dessas sensações.
      Se quiser entre no site veja em orientações, lá tem algumas explicações e técnicas para auxiliar, além dos vídeos que gravei tentando explicar como movimentar estas energias, ou ainda, leia sobre EV (Estado Vibracional), Mobilização básica das energias.
      O encontro com muitas pessoas e o seu desgaste energético, demonstra que absorve as energias das mentes perturbadas de todos e eles por sua vez, absorvem de você energias mais equilibradas, temos a tendência em equalizar o ambiente, mas ficamos totalmente desenergizados ao final do dia.
      Se tiver dúvidas, estou por aqui.
      Bem vindo, gratidão por ter chegado até aqui.

      Curtir

    • Katia Di Giaimo disse:

      O termo empata, vem de empatia….não tem em nosso dicionário a explicação correta.
      Neste caso que você cita, vem de empatar, de disputas….
      Empata/Empatia, em nossa língua este termo só é conhecido no mundo espiritualista, mas em outros países ele já há muito tempo vem sendo estudado.
      Dizer que é empata, muitas vezes no meio comum da sociedade, será levado em tom jocoso e de deboche, porém, no mundo espiritualista logo o termo é identificado como alguém que absorve mais energias do que o normal.
      Espero ter conseguido explicar.

      Curtir

  22. luciana disse:

    Que bom encontrar vocês. Sou umbandista e em várias conversas com preto velho eles me dizem que as sensações que tenho é porque absorvo as energias, sinto essas coisas. Não consigo mais ficar em um lugar com muita gente por muito tempo, tenho intuições, pressentimentos, passo mal muitas vezes. Já fui diagnosticada com Síndrome do pânico, mas descobri na umbanda o que realmente era. Vou estudar muito as informações Katia. Agradeço muito. Só não tenho certeza se a noite saio do corpo, sei que acordo sempre cansada e com o corpo dolorido.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Luciana, é muito simples depois que descobrimos que somos empatas, sensitivos ou MEDIUM esponja.
      Nossa aura é mais expandida, absorvemos por nossa natureza energética, de certa forma se não trabalhamos nossas energias essa expansão causa-nos alguns transtornos.
      Por isso precisamos ter um foco maior nas energias limpando o que vamos adquirindo ao longo do dia.
      Gravei vídeos e em orientacoes verá várias explicações sobre mbe – mobilização básica das e energias, OLVE/EV, expansão e absorção tudo isso consiste na MBE.
      Trabalhar as energias é uma das coisas, a outra é manter seus pensamentos sempre bem, com você e com o externo…porque justamente pelos pensamentos somos atacados também pelos obsessores de plantão.
      Te levando a depressões, síndrome do pânico entre tantos outros fatos que podem ocorrer.
      Dê uma olhadinha nos posts mais antigos também, conforme fui aprendendo fui trazendo para cá como forma de auxiliar.
      Espero que te ajude estas informações.
      Gratidão por estar aqui 🙏🏻🙏🏻🙏🏻

      Curtir

    • Katia Di Giaimo disse:

      Beatriz, infelizmente não falo via WhatsApp, mas se quiser conversar através do messenger da página no facebook Pessoas Empatas, curta a página e você conseguirá falar comigo.
      Te aguardo lá

      Curtir

  23. Miriam disse:

    É muito bom saber que existe um espaço próprio ou dedicado especialmente para empatas, pois andei procurando pela internet e só achava as explicações para os tipos mais comuns de mediunidade. É que de fato eu não sei ainda se sou empata, mas em algumas seções de Reiki eu sentia dores físicas, pontadas em algum lugar. As vezes tenho vontade de chorar do nada. Em alguns estudos biblicos eu chorava e tinha de fato um espírito próximo a mim que estava chorando. Outro dia estava sentada e quase desmaiei do nada, simplesmente perdi toda a energia! Foi assustador! Agora eu uso escudos de Reiki para ver se me ajudam a me proteger de sugadores de energia.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Miriam,
      Quando resolvi criar o site, a página no facebook Pessoas Empatas e o canal no YouTube Katia Di Giaimo, nao tinha ideia do que seria.
      Simplesmente criei porque não existia nada que falava e explicava sobre o empata e estas energias que sempre nos drenam.
      Espero que o site te ajude Miriam, contribua com suas experiências vivenciadas como empata.
      Gratidão por estar aqui.

      Curtir

  24. Lurdelena disse:

    Muito gratificante.Pessoas especiais como vcs
    Deixando seus esclarecimentos.Buscando conforto, trocando experiências e sobretudo, passando mensagens para pessoas leigas como eu qye, respeita, acredita mas não compreende.Parabens pela iniciativa Kátia.Goato muito do assunto.Vou visitar a página e, certamente, voltarei com um comentário mais maduro.Muita luz, irmãos!

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Lurdelena,
      Quando estudamos, passamos de alunos a professores, isso ocorre com todos nós….basta querer auxiliar, amanhã será você a ensinar outras pessoas.
      Quando doamos amor, aprendemos em conjunto…
      Deus fez o universo perfeito…rs
      Verá que com o tempo, tudo ficará muito mais claro pra você.
      Seja bem vinda ao site, se quiser visite o canal no youtube, procure Katia Di Giaimo ou a página no facebook Pessoas Empatas.
      Gratidão por estar aqui

      Curtir

  25. Belchior Gonçalves disse:

    Olá sou Belchior,
    Incrível, quando li estes artigos pela primeira vez me identifiquei com a maioria (para não falar todos)
    Precinto as coisas também, sempre que me aproximo da religião (começo a rezar muito) fatos inexplicáveis acontecem comigo.
    Eu sinto as pessoas, é QUASE como se eu lesse a mente delas.
    Eu até evito dar minha opinião sobre as coisas pois eu SEMPRE falo EXATAMENTE o amago da questão.
    É como se as pessoas fossem um livro aberto para mim.
    Basta apenas eu começar a conversar com elas.
    Eu não entendia muito bem o que acontecia comigo fui até a psicólogos (que me ajudaram muito) porém só me sinto feliz quando me isolo do mundo e começo a rezar.
    Gostaria de conversar com pessoas empatas para compartilharmos experiencias…
    As vezes sinto falta de pessoas para compartilhar minhas experiencias.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Belchior, bem vindo ao mundo empata.
      Algumas vezes falo para as pessoas que gravo vídeos para auxiliar outros empatas como eu…quem não é empata, fica sem entender do que eu estou falando.
      Será bem vindo no facebook pessoas empatas e ao canal no YouTube procure Katia Di Giaimo se gostar se inscreva que sempre que postar vídeo novo receberá em primeira mão, gravei alguns vídeos sobre o que é ser empata e o que fui descobrindo ao longo dos meus estudos.
      Seja bem vindo

      Curtir

  26. fabi cabral disse:

    Nossa….muito legal a sua atitude. Sou empata tenho 28 anos, nasci empata e desde criança ela é muito presente todos os dias da minha vida. Quando percebi minha condição, foi bem dificil pra mim e pra minha familia entender, fui atrás de respostas e achei poucas então tive que me conhecer e fazer uma auto-descoberta a cada dia. Parabenizo e agradeço a vocÊ pela coragem pois tenha certeza vc está sendo um canal para milhares de pessoas que são empatas, mas não se reconhecem ou não se aceitam ainda.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Fabi, muitas pessoas nem imaginam que são…
      Confundem com mediunidade,com carma…
      O que temos nas mãos é um carro potente que precisamos aprender a dirigir.
      Obrigada pelo seu carinho😊

      Curtir

  27. Valéria disse:

    Olá, boa tarde Kátia
    … simplesmente amei e me identifiquei plenamente com todo conteúdo exposto e dividido…
    Há algum tempo venho ”desconfiando” que eu seja um pouco (muito ) diferente no tocante a sensibilidade quanto a outras pessoas..( na verdade ha muitos anos tenho este ”sentimento” porem nos últimos meses o ”desconforto” de exteriorizar isso vem me assolando)
    Venho em uma busca continua em pesquisas sobre o que poderia estar acontecendo comigo…e neste site ” re-encontrei” (pois acredito que sempre soube as respostas,só não assumia ) muitas respostas as minhas perguntas e muito adubo as minhas duvidas pelo conhecimento maior deste ”assunto”.
    Muito obrigada por sua ”coragem” em dividir com outros ”’seu mundo”, espero estruturar mais meu conceito sobre ‘minha situação ” e assim como você dividir com outros esse ”presente” maravilhoso que recebi em minha existência.
    Muito Obrigada

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Olá Valéria, muito grata pelo seu carinho.
      Dividir com vocês o meu conhecimento e aprendizado tem feito com que expanda mais ainda toda essa empatia, amorosa que sinto.
      Acompanhe o site, sempre que encontro matérias que possam ajudar no que sentimos ou vibramos, venho aqui, no canal no youtube e divido com vocês minhas experiências.
      Fico feliz que tenha encontrado respostas para tudo o que sente.
      Seja bem vinda a família empata.

      Curtir

  28. Guilherme disse:

    ME AJUDE POR FAVOOOR!!! Eu tenho 15 anos e descobri esses dias que sou Empata por causa dos sintomas (fraqueza, desmaio, sensação de energias e espíritos, ler pensamentos e sentimentos dos outros e pressentir o futuro) e quando eu chego em lugares movimentados, mesmo sem ficar muito tempo, logo que eu chego tenho vontade de desmaiar, arrepios arrepios e ânsia por conta da vasta quantidade de energias diferentes, sejam elas boas ou ruins, e eu preciso aprender à controlar minha sensitividade, me ajude por FAVOOOR!!!

    Curtido por 1 pessoa

  29. Katia Di Giaimo disse:

    Guilherme, precisa aprender a lidar com as energias…
    Não precisa dramatizar, de verdade é só aprender a lidar com isso, sair de ambientes que possam ser nocivos.
    Comente com seus pais o que sente, veja o que eles acham e te orientam.
    Estude, estude e estude…
    Temos um dom lindo e precisamos direcionar isso da melhor forma possível.
    No YouTube encontrará vários vídeos meus tentando mostrar o que acontece comigo, além dos 32 traços empatas que gravei.
    Veja se você se identifica com eles.
    Estou à disposição para o que precisar
    Muita luz, paz e vibrações positivas.

    Curtir

  30. Arlete disse:

    olá!
    Pois é…tenho estado constantemente em busca de respostas as minhas perguntas. E não são poucas. Esse assunto muito me interessa, pois acredito ser uma pessoa sensitiva. tenho procurado me ouvir para saber o que eu preciso fazer! E nessas horas vem um desespero porque não sei se o que eu seu é o que eu penso ser…kkkkk Você me entende não é mesmo?
    Tenho ouvido os seus vídeos e chego a conclusão de que realmente sou uma pessoa diferente. E o meu filho de nove anos também precisa de ajuda…E parece que a pessoa escolhida para ajudá-lo fui eu… eu sinto e ele vê. E tem horas que já não sei quem é quem..se somos nós ou se são espíritos. E é complicado porque ele não entende o que está acontecendo e eu não sei, muitas vezes, como ajudar… Sei que estarei aprendendo muito com você…Com a sua aprendizagem.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Arlete, é tão importante pra mim saber que estou conseguindo falar ao coração de quem assiste os vídeos ou lê minhas postagens.
      É um longo caminho acredite, descobrir-se é a tarefa mais importante e depois cada um de nós vai dando um direcionamento ao que aprende.
      Que bom que está aqui, bem vinda ao site.
      Entendo perfeitamente o que diz…
      Obrigada por estar aqui e estou à disposição para tirar dúvidas 💕💕💕

      Curtir

  31. Edna disse:

    Eu sinto como vc. Sinto-Me esgotada por ter que trabalhar co o público.
    Eu amo ajudar as pessoas, Mas certas situações me drenam tanto que eu preciso dormir muito para me reestabelecer. Ultimamente me sinto péssima, cansada, irritada, perdendo as esperanças , mas eu sei que isso não é meu. Parece que estou voltando a ter depressão; já tive tempos atrás e também síndrome do pânico. Eu estava bem antes de começar a atender ao público. Não sei se é realmente isso que está me deixando assim.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Edna, faça uma avaliação do que está acontecendo, busque ajuda, aprenda a controlar suas energias, senti-las de verdade.
      Existem formas de proteção energética, não desista. Estude!
      Não precisa sucumbir a essa drenagem energética, precisa entender como isso acontece é se defender.
      Não pense que ficar isolada resolverá, porque nunca estamos sozinhos.
      Em http://www.empatas.com.br/orientacoes encontrará algumas explicações sobre a movimentação energética.
      Obrigada por estar aqui ❣️❣️❣️

      Curtir

  32. Belchior Gonçalves disse:

    Olá,
    Há algum tempo venho acompanhando o blog.
    Muito bom o trabalho.
    Sou empata também mas no meu caso e mais para o lado religioso.
    Katia, gostaria de fazer uma vídeo conferencia comigo?

    Curtido por 1 pessoa

  33. Antonio Costa disse:

    Algumas vezes ouvia a palavra ‘empatia’; nunca soube ao certo qual seria o seu significado; exceto a palavra EMPATA; que se ouve quase todos os dias, principalmente quando tem ‘jogo’ (kkk). Mas, alguns dias atrás, vendo um vídeo pelo Yotube, me deparei com um que me chamou a atenção; tratava-se da palavra “empata”. Fiquei imprecionado porque me identifiquei com o assunto quase que 100%. Daí pra frente passei a ver mais vídeos sobre o tema;
    principalmente porque é único e interessante.

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Antônio, é assim que funciona a palavra empata é sempre usada quando existe “empate” ou é o famoso sarro o tal do empata foda🤦🏼‍♀️…rs
      Mas eu mesma quando li a descrição, fui procurar algo mais e não encontrava nada que me descrevesse tão bem e aí comecei a gravar vídeos e escrever sobre tudo o que ocorria comigo.
      A sensibilidade exacerbada, chorar quando não devia (e olha que eu tentava segurar o choro), sentir a dor das pessoas e adoecer com elas…
      Bem quase todas as características empatas encaixam perfeitamente para mim.
      E conforme fui me descrevendo através das palavras e dos vídeos muitas pessoas foram chegando e dizendo puxa, eu sinto isso, acontece igual comigo…
      Se é o seu caso, bem vindo ao clube…rs
      Gratidão por estar aqui 🙏🏻🙏🏻🙏🏻

      Curtir

  34. ana11 disse:

    Boa noite, tenho 24 anos e tudo vem se desenvolvendo aos poucos, desde sonhos, sensacoes, ate um tempo atras, achava que nao era nada de mais, depois que tive minha segunda visao, comecei a pensar mais em todas as experiências passadas que tive, e nao tratei mais como se nao fosse nada de mais. E hoje me sinto muito confusa sobre o que fazer para essas energias não me atingirem negativamente, inclusive as vezes acabo acordando com forcas me empurrando contra a cama, é algo muito forte, eu gostaria de entender o porque acontece, é algo que passa ao redor e acaba atingindo, ou tem haver comigo, por estar as vezes mais pra baixo acabar atraindo, eu tenho muitas duvidas. e porque eu, é outra coisa que penso, por que?..

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Ana, bem vinda ao cantinho empata❣️❣️❣️
      Não se pergunte porque, mas para que tem esse dom.
      Não se aflija, é importante que estude e compreenda o que está acontecendo com você.
      Se acredita que somos seres eternos, entende que quando nosso corpo físico adormece, nosso corpo espiritual se projeta no mundo astral, você vê e sente coisas que ocorrem entre esses dois mundos.
      Não há nenhum mal ou erro nisso entende?
      Se quiser aprofundar esse assunto aprendi muitas coisas no site do Saulo Calderon http://www.viagemastral.com tem cursos gratuitos lá.
      Com relação às energias, você deve trabalhar e manter seus pensamentos em boa sintonia.
      Se quiser
      Conheça o canal no YouTube, procure por Kátia Di Giaimo, falo tudo que aprendi em diversos cursos lá.
      Espero que te ajude e vamos conversando.

      Curtir

    • Belchior Goncalves disse:

      Olá Ana11,

      Acredito que essas “forças te empurrando” que você menciona em seu texto nada mais são que ATAQUES ESPIRITUAIS ! Há um batalha acontecendo aqui e agora de forças do bem e forças do mal. E na minha opinião nós empatas somos sensíveis a essa batalha. Por isso sentimos tanto.Se esses ataques a você se tornarem comuns provavelmente Deus tem alguma coisa para você muito importante. O demônio sabe disso e está tentando te intimidar.
      Procure alguma religião. Eu recomendo a católica pois sou praticante.

      Curtir

      • Katia Di Giaimo disse:

        Belchior, boa tarde!
        Nem sempre as religiões complementam as pessoas, algumas delas até engessam o aprendizado criando dogmas que não são eficazes ao crescimento espiritual.
        Inclusive evito falar delas, porque podemos aprender em todas, porém, a liberdade espiritual de cada um é pela escolha feita entende?
        Aqui há todas as crenças, várias pessoas que acompanham o site, o youtube seguem diversas doutrinas, ou religiões e alguns até nem tem religião alguma e não deixam de ser filhos de Deus, ou empatas, sensitivos.
        Cada um tem sua própria escolha e o que pode ser bom para uns, nem sempre é para outros.
        Namastê!!!

        Curtir

  35. Kátia disse:

    Olá Kátia, minha xará rsrsrs. Procure sobre Elaine Aron. Ela escreveu o livro The Highly Sensitive Person ou Pessoas Altamente Sensíveis (PAS). E várias outras publicações inclusive um filme a respeito “Sensitive – the untold story”. Mudou a minha vida. Ela tem feito vários estudos é muito interessante. Espero que te ajude. Abraços.

    Curtido por 1 pessoa

  36. Patrícia medeiros disse:

    Acho que sou empata…pessoas antes de morrer se despedem d mim…tenho informações que ninguém me deu..mas tenho uma dúvida. ..porque as coisas não dão certo na minha vida? Qndo estou empregada sou demitida sem nenhum motivo. ..mas no final acabo conquistando bens materiais. ..É complicado

    Curtido por 1 pessoa

    • Katia Di Giaimo disse:

      Patrícia, é assim mesmo que acontece a nossa conexão com o mundo espiritual.
      Com relação ao emprego, perceba se você gosta do que faz, se o ambiente é o que você gostaria de estar.
      Sabe Patrícia, muitas pessoas vão trabalhar como se estivessem indo para um velório, não gostam do que fazem e imprimem essa condição a cada segundo para o universo.
      O universo lê nossa falta de vontade, amor e gratidão ao que estamos fazendo e em pouco tempo a demissão acontece.
      Na verdade nós emanamos essa vontade o universo só acata.
      Reflita sobre isso é veja se estava feliz aonde estava.
      Isso é mecânica quântica, física quântica nós co-criamos nossa realidade, tudo que nós acontece nós atraímos ou afastamos de nós.
      Estou a disposição para tirar dúvidas
      🙏🏻Namastê🙏🏻

      Curtir

  37. Pollyanna disse:

    Me identifiquei muito e com certeza sou empata….passo por situações de visões , mudanças de humor repentinas, ouso as vezes tb pessoas espirituais e isso faz com que eu me isole desde muito nova por conta desse “dom”…atualmente minha maior dificuldade e me livrar ou me limpar das energias negativas que recebo. Pois infelizmente vivo em contato constante com pessoas extremamente egoístas e autoritárias, possessivas o que me causa uma dor e sofrimento, e no momento não posso mudar de casa. Sinto meu espírito preso!
    Tem alguma dica pra me dar?

    Curtido por 1 pessoa

  38. Marcela disse:

    Olá Kátia,como vai?Espero que bem…
    Cai de paraquedas no seu conteúdo e devo dizer-lhe que foi um ”tombo” muito bom de ter levado.Meu ex-terapeuta disse que eu era empata e esponja (eu já sabia que era médium sensitiva),fui pesquisar para adquirir auto-conhecimento,nada me esclarecia direito eis que cai no seu conteúdo e me identifiquei bastante.Tornou meu estudo pessoal mais leve e esclarecedor.Mesmo que eu ainda absorva energia,passe mal muitas vezes,já consigo identificar as coisas com maior facilidade,sei o que é meu e quando eliminar o que não é.
    Grata pelo conteúdo que você apresenta,continue sempre!

    Curtido por 1 pessoa

  39. Katia Di Giaimo disse:

    É tão bom ler depoimentos como o seu Marcela, saber que aquilo que fazemos está encontrando ressonância em outras pessoas.
    Muito obrigada de coração, são carinhos como estes que chegam até nós, que fazem valer a pena todo o estudo realizado.
    Eu iniciei estes estudos para mim mas conforme encontrava respostas foi surgindo um sentido maior que era auxiliar outras pessoas a se encontrarem também, dar uma direção, um norte que pudesse abastecer de conteúdos ricos e esclarecedores.
    Foi assim que o blog nasceu, o YouTube….e todo trabalho de amor.
    Gratidão por estar aqui!!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s