Perdidos e Achados – Katia Di Giaimo

Este vídeo retrata um pouco de como é a nossa chegada aqui no planeta terra, logo no início nossas baterias estão plenas e “carregadas” pela energia divina….

Com o passar do tempo vamos nos distanciando das coisas simples da vida e pelos inúmeros afazeres, preocupações, nos desconectamos do ser divino que há em nós.

Perdemos a pureza da criança, a confiança no outro por tantos erros e  enganos, aos poucos vamos nos perdendo da nossa essência, da essência divina.

Buscamos fora de nós, algo que preencha esse vazio que sentimos, procuramos em pessoas, amores, paixões, em “coisas”, acreditamos que está no externo e não percebemos que quanto mais buscamos fora, mais nossa bateria se descarrega, nos distanciamos da energia divina e ficamos desabastecidos energeticamente.

Então nosso eu começa a se entristecer, já não encontramos no outro o mesmo carinho, amor, afeto, alegria, justamente porque estamos vazios, e então tudo começa a ficar pobre e sem cor, a vida se transforma em um monte de compromissos fúteis e inúteis, que não elevam nossa alma.

O colorido desaparece de vez e o nosso mundo se torna cinzento por dentro e por fora, porque a alegria já não está dentro de nós.

Não permita que seu mundo fique assim, por nada e nem por ninguém….

A alegria depende de nós!

Que possamos atuar no modo empata ao invés do modo esponja.

Faça a conexão com a sua alma, com o seu ser divino, lembre-se, não deixe o seu ego atrapalhar essa busca.

Assistam o vídeo!!!

  https://youtu.be/ok8KYvvOJkA   Fonte: Além do Visível
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.