Autodefesa Energética – Prof. Hernande Leite

Reservem um tempo para assistir esta palestra do Prof. Hernande Leite, imperdível, ele é médico, conscienciologo e explica direitinho o processo que os empatas, sensitivos e médiuns esponja sofrem,  uma explicação bem simples de como essa drenagem acontece e porquê.

Compreendam porque sentimos tanto cansaço físico, adoecemos, ficamos perturbados em ambientes nocivos ou próximos a pessoas instáveis ou más.

As energias tendem a se equalizar e assimilamos um pouco desta energia, num processo de quem tem mais doa, quem tem menos ganha….

Por este motivo, dependendo do local onde estamos, do nosso equilíbrio emocional, podemos sair totalmente esgotados fisicamente.

Não ter defesas energéticas para enfrentar o dia a dia e não trabalhar as energias acarretam em tristezas, angústias, depressão, ou até mesmo em enfermidades.

Porque não temos mais pessoas falando sobre este assunto tão importante?

Ter discernimento, equilíbrio, como se manter em determinados ambientes, pode auxiliar muito nosso aprendizado.

Saber que a alimentação, exercícios físicos, além de manter nossa racionalidade com pensamentos, sentimentos em ordem com discernimento e lucidez, também deve compor a nossa defesa energética.

Entendendo como o processo de Empatia, Sensibilidade e Esponja funcionam, aprendemos como nos defender.

Compartilho esta palestra imperdível com todos vocês!

 

Anúncios

2 comentários sobre “Autodefesa Energética – Prof. Hernande Leite

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.