Bendita Empatia – por Katia Di Giaimo

conhecimento-cientifico

Quando se tem parapsiquismo e não tem o conhecimento necessário, neste caso o “ESTUDO”, a leitura, não existe fórmula mágica da espiritualidade para encontrar em você as respostas necessárias, é como ir a uma biblioteca e não encontrar o livro que estava procurando.

Melhor ainda é encontrar o livro, mas ele não ter conteúdo, ou as letras terem se apagado.

Algumas pessoas procuram centros espíritas, querendo que os centros façam milagres, querem que os centros lhes coloquem poderes mágicos que as façam ter “superpoderes” e as façam ser “super médiuns”, que os espíritos façam lindas explanações da espiritualidade, mas elas não leem nada a respeito do mundo espiritual.

Não existe mágica na espiritualidade, se nós não fizermos a nossa parte, nossos amigos espirituais não conseguirão fazer comunicação através de um médium que não sabe absolutamente nada da espiritualidade.

A não ser que ele se torne uma marionete, um boneco ventríloquo, e aí, existe um grande perigo neste tipo de mediunidade, pode se tornar alvo de espíritos obsessores.

Nossos amigos espirituais / amparadores encontram então outras pessoas mais gabaritadas para o trabalho a que estão pretendendo, porque eles trabalham com pessoas que também se esforçam aqui.

Não é nada milagroso, é tarefa, é trabalho árduo dos dois lados, nos dois mundos.

Então, quando você se propõe a estudar,  e se coloca a disposição da espiritualidade não como curiosidade, mas com a seriedade que  eles necessitam, o amparo se faz presente e um mundo que era invisível se descortina para aquele que resolve realmente aprender, estudar.

O amparo vem como uma avalanche, você começa a querer devorar livros e adquirir conhecimentos.

E você se pergunta porque perdeu tanto tempo, o que estava fazendo até agora que não leu e não aprendeu o que precisava?

Se não fosse pela Empatia, talvez não tivéssemos chegado até aqui, não tivéssemos sofrido na pele, se não sentíssemos o outro como o Empata / Sensitivo / Médium Esponja faz tão bem e naturalmente, talvez nem tivéssemos notado o outro, mas por incrível que pareça nós sentimos em nós, e sabemos o que eles passam e por este motivo viemos assim, para descobrir através do outro quem NÓS verdadeiramente somos.

Dentro de você, existe uma memória de várias existências já vividas, para ter acesso a elas, precisará se libertar de muitas coisas, começando pelas vitimizações, passando pelos egocentrismos e se libertando das vaidades, descobrir quem você foi não para se valorizar e se vangloriar, mas para remendar a colcha envelhecida, para consertar os buracos que ficaram abertos, e quem sabe resolver traços que ficaram mal resolvidos lá atrás, e que hoje você tem condições de consertar.

Bendita empatia!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.